Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Não me canso disto

Uma nova porta para o mundo...O meu MUNDO.

Não me canso disto

Uma nova porta para o mundo...O meu MUNDO.

Caladinha estavas tão bem!

23.07.21, Anita
Às vezes as pessoas falam porque acham que têm que dizer qualquer coisa. Falam, mas mais valia estarem caladas... Hoje lembrei-me desta situação:   Quando estava grávida do Mini passou uma vizinha por mim e perguntou-me:   " - Esse quem vai cuidar?"   Fiquei a olhar para ela a pensar o que quereria dizer!!! Será que via em mim o exemplo da filha!!! A realidade é que não quis ser mal educada, mas deveria ter sido. Ela foi mal educada, eu não. Desde então sempre que olho para (...)

Viesse mais cedo!

10.02.20, Anita
No outro dia fui a casa de uma vizinha para combinar com ela uma boleia que lhe iria dar até Braga. Quando cheguei começou logo por dizer que: " - Veio tão tarde!" Bem, como é pessoa de falas fáceis, daquelas que nem precisamos de abrir a boca, que falam e respondem por elas próprias, toca a desenrolar conversa toda seguidinha... Às tantas, numa paragem para respirar, lá lhe consegui dizer que já era tarde e tinha que ir para casa, ao que ela respondeu:   " - Viesse mais cedo!"   (...)

Anita pelo mundo

26.10.18, Anita
Hoje é dia de destacar um blog que seguimos (follow friday do sapo). Eu só sigo blogs que gosto.     O destaque hoje vai para um blog que é cómico, doce, fascinante, maravilhoso de se ler, composto por figuras fantásticas: temos o Vasco (um cão fantástico, mas um pouco manhoso), o sr. Ludovino (o vizinho), a Alice (uma bebé muito fofa, e é ela quem manda), a Joana (a grande autora do blog, que tem a (...)

Ter vizinhos é:

21.10.15, Anita
Existem vizinhos estranhos e vizinhos simpáticos.Uns parece que têm medo que olhes para eles!Outros, vêem passar os príncipes e oferecem-lhes dióspiros (prefiro estes).

Ainda há vizinhos

03.08.15, Anita
Tocam à campainha. Um caixote cheio de frutas e legumes é oferecido.   Dias depois tocam de novo à porta. Parece que acabei de chegar do supermercado, tal era o saco cheio de legumes.  (...)