Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Não me canso disto

Uma nova porta para o mundo...O meu MUNDO.

Não me canso disto

Uma nova porta para o mundo...O meu MUNDO.

26.05.16

Sistelo na nossa rota

Anita
 
À muito que estávamos para ir até Sistelo, na serra da Peneda. Sistelo é conhecido como o pequeno Tibete de Portugal. Hoje foi o dia escolhido. Montanha acima, lá fomos nós. Um piquenique para começar, que a fome, já era muita... Um local fantástico, com mesas, com vista sobre o rio Vez, pertinho da aldeia.







Depois da barriga cheia, e já encantados com as belas paisagens, lá fomos visitar e explorar a aldeia. Uma aldeia linda, com pessoas fantásticas e simples. Descemos da igreja até ao rio Vez, através de umas escadas bem íngremes (o pior é a subir!!)


























Na aldeia podem-se ver os espigueiros, o castelo (recentemente restaurado, mas ainda há muito a fazer), a fonte, onde os príncipes mais novos brincaram com a água. No largo os 2 príncipes mais novos brincaram à volta da cruz, enquanto os outros descançavam um pouco as pernas.













Estes dias fantásticos, nem sempre são rodeados só de alegrias. Hoje tivemos um dos gémeos que reclamou quase toda a viagem; mas um dia mais tarde, de certo, vão recordar estas pequenas viagens com saudade!
Para variar, uns gatos atravessaram-se no nosso percurso, e não se safaram das nossas festinhas...
 


 
Quanto a Sistelo, ficou por fazer o passadiço. Uma aldeia que adorei. Voltaremos com certeza...
 

 
30.08.14

Sobre as férias - Peneda

Anita
Nada como um bom dia passado na Peneda. Tínhamos o objectivo de chegar ao castelo de Castro Laboreiro e lá fomos...
A Peneda, que faz parte do Parque Nacional Peneda-Gerês, tem imensas paisagens lindas e dignas de ser vistas. Muitos cavalos selvagens existem no parque e nós desejosos por os ver. O primeiro que vimos não se devia encontrar bem de saúde, felizmente, estava a beber água, sabia onde a encontrar. Não nos deixou indiferentes, ficámos preocupados com o pobre bicho.

 
Para um pique-nique, a fome apertava, parámos perto de uma casa abrigo - Casa Retiro de Murço - que nos deixou muito tristes com o seu estado avançado de degradação. Como o Parque deixa chegar uma das suas casas a este estado?!?


 
Bem, era tempo não só de comer, mas também de esticar as pernas, e há quem o faça jogando à bola.



Do outro lado da estrada 4 garranos estavam abrigados num pequeno abrigo, mas depois sairam, talvez para nos cumprimentar. O Mini adorou ver cavalos.







Seguimos viagem, acompanhados pelas belas paisagens e vendo cavalos e vacas aqui e ali.





 
Embora a serra seja mais fresca, a vontade de experimentar colocar os pés na água era grande e, pai e filhos lá foram tentar a sorte, enquanto eu, no meio da serra, numa aldeia que de repente pelas vozes julgo estar em França, apanho algumas amoras aos príncipes.


 
Ainda não foi desta que molharam os pés! Próxima paragem: que água tão límpida e fresca, mas muitos calhaus e só o Tiago pôs os pés realmente na água, os outros se puseram desistiram logo. Mas não foi uma paragem em vão. Vimos um lagarto-de-água, uma pequena rã e uma enorme lesma (ou que seria?).
 





 
Viagem a decorrer com paragem na Senhora de Peneda e depois lá vamos nós - castelo...



Mas (há sempre um "mas"), o Mini começa num berreiro que não houve alternativa senão parar. 
Castro Laboreiro. Objectivo: subida ao castelo. Juro que quando vi que ia subir tanto pensei em desistir, mas pronto lá fomos... melhor, lá fui com os outros... A subida sul até não é difícil, mas quando faltavam 300 metros comecei a sentir-me um pouco mal.






 


Faltavam 100 metros para terminar e a mim faltava-me: força, ar, visão... Bem, tive que me deitar em cima de uma pedra, estava quase, quase a desmaiar. De repente descobri que a Terra anda mesmo à roda ou seria eu?!???
Recomposta, vamos lá explorar o castelo...









 
Se o castelo vale a subida? NÃO. Mas agora já posso dizer que já lá fui... Se alguma vez voltarei? NUNCA MAIS...
 
 
 
27.06.11

Grande passeio

Anita
Ontem não foi um passeio em grande, mas acabou por ser um grande passeio. Partimos de manhã rumo a Norte. Parámos em Arcos de Valdevez. Arcos de Valdevez é uma pequena vila minhota muito bonita. Como estava um dia de calor, aliás mesmo muito, 40º, lá tivemos que molhar os pés no rio Vez. Que água fresquinha. Bem os príncipes foi bem mais que os pés...
 
Dali decidimos subir um pouco, rumo ao Parque Nacional Peneda-Gerês. Parámos para ver as mamoas com as suas antas de Mezio.


 
Mas como numa paragem nunca se faz sempre uma só coisa, que tal apanhar umas pinhas para os nossos churrascos de Verão?!

 

 
Com Soajo perto, uma pequena paragem para ver os famosos espigueiros não se iria perder. Descobrimos que o minúsculo já diz bem a palavra "Jesus". Aliás, com tantas cruzes, visto que os espigueiros têm cruzes no seu topo, não falou de outra coisa.

 

 
O regresso a casa começou. O calor ainda se sentia bem. E, nós estávamos todos cansados do mesmo. Mas em Entre os Rios, uma pequena aldeia dentre a Peneda e o Gerês, decidimos ir ver uma represa (não vimos represa nenhuma), mas descobrimos um lugar fantástico, na barragem, no rio Lima, para dar umas banhocas. Nem o bebé resistiu a avançar água dentro. Que belo final de dia.


O Mundo de Anita

foto do autor

Aviso

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Anita e as Fotos

Anita e o que dizem

Anita e a História

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2013
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2012
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2011
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2010
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D