Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Não me canso disto

Uma nova porta para o mundo...O meu MUNDO.

Não me canso disto

Uma nova porta para o mundo...O meu MUNDO.

Semana em revista #3

09.03.14, Anita
Mais uma semana em que ainda não nos vimos livres das doenças. O Mini continua atacado dos brônquios. A minha sogra fez uma visita intensa ao hospital, 11horas... As nebulizações, soro fisiológico,  e outras coisas inerentes a gripes e constipações continuam a fazer parte do nosso dia-a-dia.
 
O Mini fez 7 meses. Já come bem, rebola e torna a rebolar quando lhe dão oportunidade para isso. Cada vez ri mais. Já dá os bracinhos quando vê que há uma hipótese de colinho.
 
 
Na 6ª-feira, à noite, o príncipe mais velho teve outro concerto, numa festa de entrega de prémios de mérito escolar. A orquestra teve mais uma bela atuação.
 

 
Os dias de sol voltaram (parece que a medo) e ontem, de manhã, os gémeos lá foram a mais uma aula de canoagem (um retorno, após dias e dias de chuva). O rio ainda tem muito caudal, mas está relativamente calmo. Levei o Afonso comigo, que se fartou de brincar ao solinho, ora com os seus bonecos do "Selva sobre rodas", ora com folhas, areia, paus, o que encontrou por lá.
 
 






 
A Primavera, começa a dar sinal no meu quintal. As primeiras flores aparecem.
 


 
Ontem, dia da mulher, foi assinalado pelas flores que o município ofereceu: uma a mim, outra à minha mãe.
 
 
 
 
 
?

Deixa-me de queixo caído

07.03.14, Anita
 
O Afonso, está-me sempre a surpreender.
No primeiro período de aulas, ia para a escola bem. Por vezes dizia que não queria ir, mas nada de birras, nem choros. Após as férias de Natal, por ter estado doente, poucas vezes foi. Ontem, no novo recomeço, chorou todo o caminho até à escola, acompanhado do "- Eu não quero ir para a escola...". Quando chegou lá, parou o choro, limpou as lágrimas e um pouco amuado, mas convencido, lá ficou. Hoje, íamos pelo mesmo (pensei). Sem choro, mas o fatídico " - Eu não quero ir para a escola.". Quando chegou lá, sorriso nos lábios, aos saltinhos, lá foi ele para a sala... Bem, antes assim.

Quando há tempo

03.03.14, Anita
Ultimamente raramente tenho tempo para as coisas que gosto, e costurar é uma delas. Hoje, como não tive os príncipes mais novos, aproveitei para dar uns pontos em peças de roupa que estavam a necessitar, coser uns remendos em algumas calças para tapar buracos, e ainda fiz um babete para o Mini que está a necessitar.
Estes dias assim sabem mesmo bem.

Babetes #2

03.03.14, Anita
Era uma fronha de alcofa de bebé, realizada pela minha mãe em 1987. Quis aproveitar o bordado e decidi fazer um babete. Comprei turco a peso no continente e voilá o resultado.