Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Não me canso disto

Uma nova porta para o mundo...O meu MUNDO.

Não me canso disto

Uma nova porta para o mundo...O meu MUNDO.

30.08.12

Cabeça... dura (versão 1,5)

Anita
Parece que cresci! Sim, cresci de certeza, é a única explicação lógica para andar a bater com a cabeça. Hoje, de novo, ao sair do carro: pumba! Mais uma cabeçada no mesmo sítio. Tenho várias explicações para o facto: ou a minha cabeça não gosta de carros pretos e decide embirrar com eles (e, pronto, quem sofre sou eu!), ou o galo cresceu e agora impeça em tudo, ou (será de certo o mais lógico) cresci...
Espero que à segunda vez tenha sido de vez... não vamos entrar numa questão de ditados!
 
 
 
29.08.12

Cabeça... dura

Anita
 
Hoje vim de boleia para o trabalho. Ao entrar no carro, dou uma bruta cabeçada na porta do carro. Acho que os óculos de sol se enterraram na cabeça. Bem, resultado, tenho um galo na cabeça e uma dor... ai, ui, ui... acho que a porta do carro deve estar amolgada, pela violência do caso... Será que amanhã ainda me vai doer a cabeça?
 
 
29.08.12

Coisas que gosto

Anita
 
Sair de casa de manhã, quase a fechar o portão, vem uma dos gémeos a correr escadas abaixo, acabadinho de acordar, ainda desgrenhado:
"-Mãe, quero-te dar um beijinho antes de ires. Não te vou ver o dia inteiro."
É tão bom. Estes momentos são maravilhosos.
 
 
 
25.08.12

Safadinho

Anita
Olho para a máquina de lavar loiça e tem um creme branco espalhado por ela. Começo logo a perguntar quem fez aquilo e que se o pai visse que iria ralhar. Torno a perguntar: "- Quem fez isto?" O príncipe mais novo acusa-se, dizendo "- Fui eu.". Disse-lhe que não deveria fazer aquilo, que o pai ficaria chateado, ao que responde: " - Não fui eu! Foi o Diogo." Bem, tem cá um jeitinho para acusar os outros...
25.08.12

Birras, queixinhas, mais birras... quem aguenta?

Anita
O quotidiano cá em casa é repleto de: "mãe, ele fez-me isto", "mãe, ele disse isto". Repleto disto e daquilo, que levam uma pessoa à loucura. Mas não é uma vez, são milhares. Uns queixam-se mais que outros, mas acreditem que me deixam louca. Por mais que lhes digamos "não queremos ouvir mais queixinhas, nem queixumes", de nada vale, no segundo seguinte lá estão de novo "mãe, ele bateu-me". Aliás, eles nem são queixinhas (sim, dizem isto com um desplante ou certeza absoluta, nem sei...), segundo os próprios, só estão a dizer o que se passa... Haja coragem para passar esta fase. Uma fase composta por três elementos. Aqui para nós: que passe rápido.
Mas o pior, foi quando o príncipe mais novo, chateado por lhe estarem a mexer nos seus carros, se vira para o irmão mais velho e diz: "- Vou dizer à mãe." E, lá veio ele dizer... Mais um!! Socorro, não aguento.
25.08.12

Leitinho

Anita
Acordei à hora do costume. Pus-me a pé, mas ainda tinha sono. Tomei o pequeno-almoço, aqueci o leite no biberão ao príncipe mais novo e, de volta para a cama. Ele bebeu o leite todo. Adormeci eu e o príncipe continuava a dormir. Passado hora e meia, o meu marido deu-me um biberão para a mão cheio de leite. Disse-lhe que o príncipe já tinha bebido o leite, mas coloquei-lho na boca. Bebeu outro biberão de leite cheio. Este miúdo alimenta-se só à base de produtos lácteos.
 
22.08.12

Chinelos

Anita

Os meus príncipes nunca foram muito dados a calçar chinelos, sejam de que tipo forem, por isso, compro sempre meias mais grossas e com piso para não escorregarem, para calçarem em casa. O príncipe mais novo é como os irmãos. Chinelos não são com ele. Comprei-lhe uns chinelos de enfiar no dedo, no início do verão, para ele andar lá em casa e ir brincar no quintal sem magoar os pés ou mesmo molhá-los. Mas para os calçar é uma luta. No meio da graxa, estilo "ficas tão lindo", "ó, que chinelinhos mais lindos", "olha igual à mãe e ao pai", lá os consigo calçar, mas passados 5 minutos anda ele atrás de mim a pedir (pedir, não! exigir.) que lhos tire... Já estou quase, quase a oferecer os chinelos.
22.08.12

Amoras

Anita

Se há coisa que gosto é de amoras. Os príncipes também gostam. O príncipe mais novo quando provou não gostou, mas agora está sempre pronto a comer amoras. Ontem, enquanto fui passear o Spike, apanhei algumas. Os príncipes comeram-nas num ápice. O mais novo ao deitar ainda tinha vestígios, a cara toda preta; nada que um toalhete não limpe.
21.08.12

Quarto dos gémeos - evoluções

Anita
O quarto dos gémeos tem evoluído junto com o seu crescimento. Começou por ser um quarto para meninos pequeninos, depois quando foram para a escola primária, foram colocadas umas mesas para fazerem os trabalhos de casa e agora nova alteração adaptada já a jovens. Isto nem quererá dizer que eu e o meu marido adoramos alterar coisa lá em casa! Sim, é que adoramos mesmo.
Então o quarto dos gémeos começou por ser assim:




?
Depois, passou a ser assim:





Agora está assim:



Pinturas, montagem, ideias, tudo criado por mim e pelo meu marido.

Pág. 1/4

O Mundo de Anita

foto do autor

Aviso

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Anita e as Fotos

Anita e a História

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2010
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D